domingo, 31 de agosto de 2014

Gordofofia se combate com sabedoria

No programa sobre dietas bobas da rádio de notícias que eu escuto, hoje ouvi algo que gostei muito, uma neurocientista (Sophie Deram) que afirma que as dietas engordam. O cérebro leva um choque com a falta. Eu já sabia disso. Quem está de dieta só fala em comida. As pessoas que sofrem com dietas malucas e que depois de um tempo voltam ao peso antigo também sabem. E meu marido sempre disse: Nunca se viu ex gordo.
O que me causou maior diversão foi imaginar a cara de espanto dessas patricinhas que apresentam o programa, quando a estudiosa sobre o assunto disse com todas as letras que o mito de que pessoas magras são saudáveis é pura ilusão, pois há pessoas gordas totalmente saudáveis e pessoas magras doentes.

Elas cortaram a fala dela quase que antes de ela terminar e enfiaram os comerciais. Juro!

Há pessoas gordas fazendo exercícios, tendo uma vida de saúde e prazer, e pessoas magras vivendo no sedentarismo, tendo uma vida idiota. Para quem não tem o cérebro mais aberto, isso é difícil de entrar, mas entra. É só você pensar em doenças que mais afetam os magros, como o diabetes. Todo mundo que conheci, com essa doença, é magro, e tem uma vida de alimentação ruim, vida intoxicada, sentimentos ruins, zero de exercícios etc. E o que eu vejo de pessoas obcecadas com contagem de calorias, sem ouvir o próprio corpo, quando está morrendo de fome com os nutrientes a zero e a saúde precária.
Todo mundo fala 'contra os transgênicos', mas vai entrar na cozinha dessa pessoa. Todo mundo fala a favor dos orgânicos, mas vai entrar lá na cozinha dessa pessoa - tem um frango lá. E o frango nada mais é que um animal modificado. Foi antes da invenção dos famosos organismos genéticamente modificados, é verdade, mas sim, é uma aberração genética, que causa problemas ambientais, de saúde, etc... E tem transgênicos modernos ali na cozinha também, muitas vezes.
Por fim, eu não estou nem aí para esse lance natureba, pois meu lance é ético. Sou vegana pelos animais, e se eu tenho saúde perfeita, é por que o ato de ter uma alimentação estritamente vegetal te dá um saúde ótima, comprovada por estudos sérios. Mas sinceramente, faço exercícios, por prazer, que são simplesmente caminhadas imensas, e de vez em quando uma bicicleta ergométrica. Mas nada mais. O exercício é extremamente importante para a saúde. Mas desencano dessa preocupação com beleza. Isso é coisa dessa sociedade consumista e machista.



Estão sempre te oferecendo 'rações humanas', pílulas para emagrecer, mitos da beleza, mulheres para imitar, etc... não caia nessa... seja bonita ou bonito como você é. E tenha saúde para viver bem e longamente. E se preocupe com a ética, ou seja, não se preocupe somente com o seu umbigo, pense nos outros também: nos animais, ecossistemas, humanos, etc. Não seja torpe.

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...