quinta-feira, 24 de julho de 2014

Black bloc - caixa preta e a mania brasileira de acusar sem provas

No exterior ninguém acreditou na mídia brasileira, na época da copa, quando gargantearam bastante sobre a 'segurança' durante dos jogos.
E hoje leio no site Rádio Voz da Rússia, que a embaixada russa no Brasil divulgou na segunda-feira, 21, uma Carta de Repúdio a informações precipitadas da imprensa brasileira sobre a tragédia do Boeing malaio. O documento diz que "as acusações infundadas contra a Rússia e seu presidente na ausência de quaisquer provas e resultados de investigação nos deixam perplexos e indignados".
Não conseguem ficar neutros. Tomam partido. Para saber das coisas você precisa ler sites do exterior.
As escutas colocadas nos celulares dos advogados dos ativistas detidos pelas manifestações no Instituto de Defesa dos Direitos Humanos é um alerta para o fato de que este é um local que serve para defender casos de violência e pessoas ameaçadas, entre outras coisas importantes. Mas nem neste lugar estaremos a salvo?
Em outra notícia assusta os termos usados nos autos dos processos contra ativistas supostamente envolvidos em atos violentos na época das manifestações. Eram os mesmos usados na época da ditadura, mostrando que a chama ainda arde.
O inquérito acusa o Instituto de Defensores de Direitos Humanos (IDDH) de "questionar a ordem vigente distribuindo o terror".
A morosidade no país é notória, mas quando querem, resolvem até mesmo o mais irresoluto dos mistérios policiais, dignos de um filme de suspense ou quem sabe até de terror.
Quem acreditou no conto do cambista mais famoso do mundo que saiu pelos fundos, filmado por câmeras, e mais ninguém viu? E sinceramente, era preciso perder tantos meses só nesse caso como se o Brasil não tivesse mais nada a fazer?
É. Mas se é a galera do rolezinho os empresário pira mano.
Enquanto isso, depois da copa do mundo, o país ficou com as obras inacabadas, os estádios inúteis, contas para pagar e um futebol para discutir, como se importasse tanto assim.

Um comentário:

  1. Então esta tudo devagar como sempre neste pais.Eu me canso de me revoltar,mas tudo como sempre....Inacabado,enrolado,precipitado e escondido.
    Aqui em Belo Horizonte tivemos não so obras inacabadas como obras que cairam sobre carros provocando mortes....E nada....Estou perplexa,cheguei e não vi nenhuma manifestação,coisa que não e propria do povo desta cidade.....
    Voltei amiga...
    Deusa

    ResponderExcluir

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...