quarta-feira, 5 de fevereiro de 2014

Chuva de Sol - quem ainda duvida do aquecimento?

Hoje saí com meu guarda chuva de gatinho no sol escaldante da cidade.
Com a greve de ônibus, que apóio totalmente, estou indo trabalhar a pé e temos que ir assim, de boné, protetor solar, água e meus óculos polarizados que protegem meus olhos dos raios solares e evitam

cataratas e outros problemas de visão no futuro...



Siiiim, prefiro ser assim agora do que sofrer depois, enquanto todo mundo 'parece' (só parece) desencanado agora, mas vai estar cheio de problemas depois. Em breve farei uma postagem sobre o ser e parecer.
E é super divertido. Já encontrei adeptos na rua. Uma menina me disse super animada que ia copiar a ideia, outra sorriu para mim, pois estava igual, com sombrinha... Outra passou toda séria com o seu, pois fingiu que não me viu... noooossa como somos importantes.... hahahahahaha.

O aquecimento global, no fim foi um termo bastante usado, mas nem sempre correto, o melhor seríamos usar mudanças climáticas, pois mesmo com o aquecimento da terra leve ou moderado, 'natural' ou provocado pelo ser humano (o humano também é natural pois é parte da natureza, mesmo sendo uma 'anomalia'), o que importa mesmo são as mudanças climáticas. Essas são as que afetam todas as partes do globo. O aquecimento da Terra é um tema antigo. Por isso os reaças se grudaram nisso e seguem dizendo que não existe, pois nunca leram uma linha a mais sobre isso.
Gostaria de dizer para essa gente que não crê no aquecimento global (como se precisasse crer) que se junte com os que 'amam' o Verão, mas não largam o ar condicionado, e sente na rua, no asfalto. Deixe o carro em casa. Fiquem lá, afirmando que não existe nada do que os fatos apontam e depois volte a pé.
A relação do aquecimento da Terra com a emissão de gases poluentes que a espécie humana vem jogando pelos ares, mares e terra, sobretudo na indústria chamada pecuária e na fazendinha da vovó, não tem nome, é algo gigante e pesado. Mas as anomalias seguem silenciosamente. Através do esterco, do chorume e do curtume. Toda essa merda acontece em nome de usar animais para fins humanos.
Segundo o OMM, Organização Meteorológica Mundial, 2005 e 2010 foram os anos mais quentes das últimas décadas. 2013 foi um ano quente, mas foi considerado neutro, pois não teve influência de La Niña nem de El Niño, que seriam, estes sim, fenômenos 'naturais', para o prazer de quem fica buscando palitinhos do que é natural ou não... Que bobagem... vamos morrer de calor, será deus, o diabo ou o Elvis quem virá nos buscar.... Importa mesmo???? Ou você quer ter sua vidinha medíocre sem ter sua consciência afetada e assim poder ter seu poder de compra e venda, lucros e moeda de troca inalterados? Tudo isso está em jogo e até mesmo o estômago e as entranhas mandam no cérebro de muita gente aí que pensa que tem opinião.

http://br.reuters.com/article/worldNews/idBRSPE9A502K20131106

A fonte usada neste blog ouvi hoje na rádio LBV AM 1300. O link é para consulta, mas pode-se usar o Google que tem muito mais...



Um comentário:

  1. merecemos esse calor.....somos os monstros parasitas da natureza...
    por isso estudo a CULTURA RACIONAL, que orienta para uma alimentação vegetal,preservação das florestas e cia

    ResponderExcluir

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...